Glossário da Análise de Pontos de Função


Glossário sobre Análise de Pontos de Função

FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com

Este glossário foi compilado pela FATTO com termos usados no Manual de Práticas de Contagem do IFPUG, versão 4.3, e complementados com outros termos comumente usados pelos praticantes da APF.

Navegar usando este índice

A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | Todos

F

Facilidade de Instalação

(Última edição: sábado, 10 Nov 2007, 11:47)

Uma das 14 características gerais de sistema que descreve em que nível a conversão de ambientes preexistentes influencia o desenvolvimento da aplicação. Um plano e/ou ferramentas de conversão e instalação foram fornecidos e testados durante a fase de teste do sistema.

Pontue o nível de influência de acordo com as seguintes orientações:
0 - O usuário não definiu considerações especiais, assim como não é requerido nenhum setup para a instalação.
1 - O usuário não definiu considerações especiais, mas é necessário setup para a instalação.
2 - Requisitos de instalação e conversão foram definidos pelo usuário, e guias de conversão e instalação foram fornecidas e testadas. Não é considerado importante o impacto da conversão.
3 - Requisitos de instalação e conversão foram definidos pelo usuário, e guias de conversão e instalação foram fornecidas e testadas. É considerado importante o impacto da conversão.
4 - Além do item 2, ferramentas de instalação e conversão automáticas foram fornecidas e testadas.
5 - Além do item 3, ferramentas de instalação e conversão automáticas foram fornecidas e testadas.

Facilidade de Mudança

(Última edição: sábado, 10 Nov 2007, 11:48)

Uma das 14 características gerais de sistema que descreve em que nível a aplicação foi especificamente desenvolvida para facilitar a mudança de sua lógica de processamento ou estrutura de dados.
As seguintes características podem ser válidas para a aplicação:
- São fornecidos mecanismos de consulta flexível, que permitem a manipulação de pedidos simples; por exemplo, lógica de e/ou aplicada a apenas um arquivo lógico (conte como um item).
- São fornecidos mecanismos de consulta flexível, que permitem a manipulação de pedidos de média complexidade; por exemplo, lógica de e/ou aplicada a mais de um arquivo lógico (conte como dois itens).
- São fornecidos mecanismos de consulta flexível, que permitem a manipulação de pedidos complexos; por exemplo, lógica de e/ou combinadas em um ou mais arquivos lógicos (conte como três itens).
- Dados de controle do negócio são mantidos pelo usuário por meio de processos interativos, mas as alterações só têm efeito no próximo dia útil.
- Dados de controle do negócio são mantidos pelo usuário por meio de processos interativos, e as alterações têm efeito imediato (conte como dois itens).

Pontue o nível de influência de acordo com as seguintes orientações:
0 - Nenhum dos itens anteriores.
1 - Qualquer um dos itens anteriores.
2 - Quaisquer dois itens anteriores.
3 - Quaisquer três itens anteriores.
4 - Quaisquer quatro itens anteriores.
5 - Todos os cinco itens anteriores.

Facilidade de Operação

(Última edição: quarta, 29 Nov 2006, 00:55)

Uma das 14 características gerais de sistema que descreve em que nível a aplicação atende a alguns aspectos operacionais, como: inicialização, segurança e recuperação. A aplicação minimiza a necessidade de atividades manuais, como montagem de fitas, manipulação de papel e intervenção manual pelo operador.

Pontue o nível de influência de acordo com as seguintes orientações:
0 - Não foi estabelecida pelo usuário outra consideração que não os procedimentos de segurança normais.
1-4 Um, alguns ou todos os seguintes itens são válidos para a aplicação. Selecione todos aqueles que sejam válidos. Cada item tem um valor de um ponto, a exceção de onde seja citado o contrário.
   - Procedimentos de inicialização, salvamento e recuperação foram fornecidos, mas é necessária a intervenção do operador.
   - Procedimentos de inicialização, salvamento e recuperação foram fornecidos, e não é necessária a intervenção do operador (conte como dois itens).
   - A aplicação minimiza a necessidade de montagem de fitas.
   - A aplicação minimiza a necessidade de manipulação de papel.
5 - Aplicação projetada para operação não-assistida. Isto é, não é necessário nenhuma intervenção do operador para operar o sistema, que não seja a inicialização e término da aplicação. A recuperação automática de erros é uma característica da aplicação.

Fator de Impacto

(Última edição: quarta, 30 Jun 2010, 14:38)
Unidade de medida do nível de alteração em uma função, que pode variar em função da natureza e da extensão da alteração. Utilizado pelo método da NESMA para medição do projeto de melhoria.

Fator Normalizador

(Última edição: sexta, 23 Abr 2010, 13:38)
Os pontos de função são utilizados como fator normalizador do tamanho do software, permitindo o estabelecimento de métricas tais como produtividade (pontos de função produzidos por pessoa-mês), taxa de entrega (homens-hora para a produção de um ponto de função), densidade de defeitos (defeitos encontrados por ponto de função) e outras.

Fronteira

(Última edição: terça, 11 Jun 2013, 10:48)

É a interface conceitual que delimita o software que será medido e o usuário. A fronteira:

  • Define o que é externo à aplicação
  • Indica a fronteira entre o software que está sendo medido e o usuário
  • Atua como uma ‘membrana’ através da qual os dados processados pelas transações (EEs, SEs e CEs) passam para dentro e para fora da aplicação
  • Envolve os dados lógicos mantidos pela aplicação (ALIs)
  • Auxilia na identificação dos dados lógicos referenciados mas não mantidos pela aplicação (AIEs)
  • Depende da visão externa do negócio do usuário da aplicação. É independente de considerações de técnicas e/ou implementação

As seguintes regras devem ser válidas:

Nota: Pode haver mais de uma aplicação incluída no escopo da contagem. Nesse caso, múltiplas fronteiras da aplicação deverão ser identificadas. Quando a fronteira não está bem definida (como no início da análise), ela deverá ser posicionada da forma mais exata possível.

Dicas para identificação da fronteira:

  • Utilize as especificações externas do sistema ou obtenha um fluxo do mesmo e desenhe a respectiva fronteira, destacando as partes internas e as externas à aplicação.
  • Verifique como os grupos de dados estão sendo mantidos.
  • Identifique as áreas funcionais, alocando certos tipos de objetos da análise (tais como entidades ou processos elementares) a uma área funcional.
  • Observe dados de medição correlatos, tais como esforço, custo e defeitos. As fronteiras consideradas para os pontos de função e para os outros dados de medição devem ser as mesmas
  • Entrevistar os especialistas no assunto para auxiliar na identificação da fronteira.

Um artefato que ilustra bem o conceito de fronteira é o diagrama de contexto.

Função

(Última edição: sexta, 12 Jun 2009, 19:08)
As características ou capacidades de uma aplicação como vistas pelo usuário. Também chamada de funcionalidade. Unidade que representa as suas práticas e procedimentos.

Função de Dados

(Última edição: quarta, 12 Jun 2013, 12:07)

A funcionalidade fornecida ao usuário para atender requisitos por dados internos e externos. São Arquivos Lógicos Internos (ALI) ou Arquivos de Interface Externa (AIE).

Função de Transação

(Última edição: quarta, 12 Jun 2013, 12:07)

Funcionalidade fornecida ao usuário para processar dados pela aplicação. São definidas como entradas externas (EE), saídas externas (SE) e consultas externas (CE).

Funcionalidade

(Última edição: sexta, 16 Abr 2010, 19:38)
Capacidade do produto de software de prover funções que atendam necessidades explícitas e implícitas, quando o software estiver sendo utilizado sob condições especificadas [ISO/IEC 9126-1]. Tem como subcaracterísticas: adequação, acurácia, interoperabilidade, segurança de acesso e conformidade relacionada à funcionalidade.